EP Blossom Blooming Veils – Serge Erege

22/08/2016
  • Ano: 2016

Serge Erege é um nome a ser destacado na cena da música brasileira. Ainda tímido em sua fama, o cantor aproveita o “anonimato” e sua independência para dar vida a canções incríveis, autorais, completamente em inglês e, sobretudo, cheias de personalidade.

Seu primeiro clipe, Rhythm Of The Day, já demonstra a genialidade do artista, que veio de Piripiri, no Piauí, montar seu vídeo plano sequência em São Paulo. O vídeo faz uso do efeito VHS para acentuar o clima indie que permeia a sonoridade de Serge. A faixa remete aos synthpop alternativo dos anos 80, sem medo de parecer retrô.

E foi assim que nasceu o destemido EP Blossom Blooming Veils, com apenas três faixas, mas que são suficientes para nos querer fazer ouvir mais. Ele já revelou que tanto as composições como as produções são todas assinadas por ele mesmo, as músicas são feitas em seu notebook e em vsts analógicos antigos.

A letra da primeira faixa do trabalho, cujo nome é homônimo ao EP, é bem simples e possui poucos versos: “raindrops all over you, wind blowing all away, washing the scar in you, mountains to climb on. Blossom blooming veils, nature seems to love you, fountains of goodness for you, nature”. Uma trip relaxante de cinco minutos e meio que pode ser ouvida incansavelmente.

A segunda faixa, LegalLies, é mais politizada, mas mantém o clima de viagem ácida. “when the truth is sold, industries are faking souls, well the truth is old. Industries are planning to make it, they're already making some brand new souls”, critica o cantor. Ele ainda arremata a faixa com o refrão que diz “estou farto com o que o poder diz”. O que nós não estamos fartos é desse som maravilhoso que nos faz lembrar automaticamente do melhor do Deepech Mode – mais especificadamente I Promisse You I Will.

Para fechar, ele entrega a deliciosa It’s Already Cold, que também possui vídeo clipe inspirado nas gravações de baixa qualidade dos anos 80 (porém muito divertido de ver). O dramalhão sintético nos faz sentir em uma solitária pista de dança lotada. “it's already cold, i'm digging my bonés. I'm waiting for you to come and warm them” pede o friorento cantor. Cheia de paixão, a música nos coloca em uma espécie de transe, graças à boa mixagem de som e voz.

Com um trabalho para deixar muitos gringos morrendo de inveja, o brasileiro Serge Erege mostra que há muito mais no Brasil do que a rádio pode nos mostrar. Que ele possa continuar compartilhando sua arte conosco e não nos deixe esquecer que não é só de música em português que vive o brasileiro.

Andy Rocka

Jornalista, estudou Psicologia,
foi social media do Pontofrio,
trabalhou em revistas de ciência,
como a Superinteressante e
Psique, mas sua paixão mesmo
é música e cultura pop.